Hoopdance é uma modalidade de dança que existe desde meados de 2000. Bambolês, ou arcos são usados pela humanidade como fonte de exercício e entretenimento desde épocas remotas, comprovado pelas imagens de vasos antigos da Grécia e pinturas de diferentes épocas. O registro mais antigo é de 1000 a.C., no Egito, feitos de galhos de ramos de vinha.

A escultura de Jean-Leon Gérôme “Bailarina com aro” e trabalhos relacionados foram inspirados por estátuas de terracota descobertos na antiga cidade Grega de Tanagra. Essas estátuas de Tanagra foram descobertas entre 1860 e 1870 e datam do século I e II a.C..

Já o seu uso pela Ginástica Rítmica tem sua origem nas escolas de movimento que foram desenvolvidas na França, na Suécia, nos Estados Unidos e na Finlândia no início do século XIX.

A autora Judith Lanigan escreve em seu livro sobre a história do bambolê que a educação física no sistema educacional Inglês e Australiano incluía bambolês na maioria das escolas.

Mais tarde, em 1957, Richard Knerr e Arthur “Spud” Melin da Wham-O, a partir da ideia dos “aros de exercício” de bamboo Australianos, fabricariam bambolês de plástico Marlex com 100 cm. O que é Marlex? É o nome da marca para “polipropileno cristalino” e “polietileno de alta densidade”. Esse plástico foi inventado por J. Paul Hogan e Robert Banks, dois pesquisadores químicos da companhia de petróleo Philips.

E assim nascia o bambolê que virou febre nos anos 60.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Anúncios